Ódio ou mágoa?

Viviane Freitas

  • 26
  • Set
  • 2011

Ódio ou mágoa?

  • 26
  • Set
  • 2011

Quando é que você odeia alguém?

Quando a mesma invade o seu íntimo e revela, ou mexe com aquilo que lhe machuca, ofende e fere o seu ego.

É tão forte o sentimento que o indivíduo, que carrega o ódio ou a mágoa, fica constantemente em alerta, a cabeça pensando nisso ou naquilo, e justificando a sua razão, a ponto dela precisar de uma outra pessoa para revelar a sua insatisfação.

Incrível! Precisa desabafar com alguém o que ela não consegue arrancar sozinha. E o que ela espera ouvir? Uma afirmação daquilo que ela pensa.

Enfim… não resolve nada.

A fé é algo que sobe bem rápido, e vai como se fosse um foguete, e desce da mesma forma como sobe.

O sentimento sobe como um balão, vai subindo e, apenas com alguns minutos, já está bem lá no alto. Ele não desce. Ele fica e fica e fica e fica….. Ele se mantém, ou sobe mais ainda, conforme eu o alimento.

Ainda que você tenha consciência de que aquilo é ruim, como arrancá-lo?

1 – Um dos primeiros motivos pelos quais você não consegue controlar-se é porque você se faz de vítima. E quem se faz de vítima, usa sentimento. Pode um sentimento arrancar outro sentimento, se ambos são frágeis?

Não tem como você ter sucesso na vida tendo sentimento. Você tem que usar a lógica da fé inteligente, que te faz analisar toda a situação.

2 – Você tem que ver que você mesma tem falhas, e comete erros, assim como qualquer ser humano, porque você é uma alma. E a outra pessoa também é uma alma.

3 – Você deve avaliar o seu próprio estado. Olha o inferno que você permitiu-se entrar, por meio de agressões verbais ou física. Você não tem mais paz. Você vive com um nó na garganta. Tristeza. Sem esperança da vida e etc… Você deixa aquele mal ter mais sucesso do que propriamente você.

Então como faço???

Odeie, não o indivíduo, mas o que lhe faz mal e se alojou dentro de você. Quando você odeia se fazer de vítima, quando você odeia a sua dependência dos demais para ser feliz e etc…então, sabe quem passa a ter controle?

Tudo depende de você! Ou você empurra esse sentimento para baixo, até ficar no chão ou você é que vai estar no chão da amargura.

Deixe uma mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

26 Comments

  1. Falar sobre o odio e’ facil. Mas, arranca-lo do coraçao nao e tao simples assim. Era casada e meu marido me traia. Comecei a me confidenciar com um amigo que dizia nao estar bem em seu casamento. Ambos resolveram terminar os casamentos. Eu me divorciei e engravidei do meu amigo. Para minha surpresa a reaçao dele foi fria. Disse que nao assumiria o filho e mandou que excluisse meu facebook porque meus amigos me dariam os parabens. Ele resolveu reatar com a esposa. E eu desesperada e enlouquecida abortei. Hoje ele usa a aliança, estao juntos e faz cara de que nada aconteceu. Sinto vazio acompanhado de dor e odio.

    Ver mais
  2. tanto o ódio como a mágoa são sentimentos sorrateiros e as vezes passa despercebidos e depois vira um câncer se não vigiarmos.

    Ver mais
1 3 4 5