Obreira: Obreira e o seu relacionamento com Deus!

Viviane Freitas

  • 5
  • Mar
  • 2015

Obreira : Obreira e o seu relacionamento com Deus!

  • 5
  • Mar
  • 2015

Na semana passada falávamos sobre os 3 tipos de relacionamentos, nos quais devemos investir constantemente e ter em elevada consideração.

Para tal e porque não dizer que para nós, Servas de Deus, é imprescindível seguir o Maior Exemplo: O Senhor Jesus!

No artigo de hoje vamos destrinchar a respeito do exemplo de relacionamento que Jesus teve com o Pai…

Relacionamento de Jesus com Deus:

[diamondlist]

    • Íntimo

– E o seu relacionamento com Deus, é intimo, próximo? Como saber? Eis a resposta: “A intimidade do SENHOR é para os que o temem…” (Salmos 25:14) Se não há temor a Deus, então não há intimidade!

[/diamondlist]

[diamondlist]

  • Participativo

[/diamondlist]

– Participa a Deus o seu dia a dia, o que vai dentro de si? Diante de situações difíceis a quem recorre de imediato? É a Deus, às amigas ou a familiares?

[diamondlist]

  • Tempo de qualidade/ Momento a sós

[/diamondlist]

– Têm tempo de qualidade, em que realmente separa momentos a sós com Deus, onde analisa o seu comportamento, onde olha para dentro de si?

[diamondlist]

  • Consultava a Deus
  • – Antes de fazer alguma coisa na sua vida, antes de tomar alguma decisão participa a Deus? Ou simplesmente faz por impulso e só depois é que fala com Deus a respeito?

    [diamondlist]

    • Servo Obediente

    [/diamondlist]

    – É uma Serva obediente a Deus? Ninguém conhece o seu interior, pois pode até acenar a cabeça dizendo sim a tudo, mas por dentro há murmuração, reclamação, resistência.

    [diamondlist]

    • Não fazia a Sua vontade

    [/diamondlist]

    – É muito fácil dizer que fazemos a vontade de Deus. Isso são palavras! Mas, e as nossas atitudes…essas revelam a vontade de Deus? Ou o nosso eu é que decide que rumo tomar?

    [diamondlist]

    • Não era precipitado nas Suas decisões

    [/diamondlist]

    – Como você é a tomar decisões? Pensa, pondera no que fala, é controlada na sua postura? Ou diante de pequenas coisas, logo age pelo impulso?

    [diamondlist]

    • Respeitava o Pai…

    [/diamondlist]

    A verdade é que só há respeito por Deus (Pai), quando tudo o que foi mencionado acima é presente e vivido por cada pessoa.

    O post de hoje foi elaborado para que mais uma vez pare e repare no seu comportamento, na sua vida com Deus. E se porventura detetou que ainda faltam certos pontos a serem trabalhados em si, então não perca mais tempo e comece a “consertar” o que ainda falta!

    Gostaria de saber a sua opinião e se estes posts têm ajudado de alguma forma.

    Deixe aqui o seu comentário e até à próxima!

    Grata!

Deixe uma mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

501 comentários

  1. Boa tarde dn Viviane
    Hoje que li o artigo,
    preciso praticar alguns itens.
    Lendo com atenção percebo o quanto preciso de mudança, vou praticar.

    Ver mais
  2. Estes posts tem me ajudado muito,pois através deles estou aprendendo a me avaliar e ver onde tenho falhado,em que devo mudar, melhorar… têm sido muito importante.

    Ver mais
  3. Me ajudou muito, preciso separar mais tempo para falar com Deus e analisar mais minha vida com Ele.

    Ver mais
  4. Boa noite Dona, esse post falou muito comigo, me fez entrar dentro de mim e me analizar de um jeito em que nunca tinha me analizado, da minha intimidade com Deus.

    Ver mais
1 80 81 82