Mudanças

Viviane Freitas

  • 20
  • Abr
  • 2011

Mudanças

  • 20
  • Abr
  • 2011

Quer mudar algo na sua vida? Então tome uma atitude

Não basta desejar uma mudança, especialistas dizem que é fundamental estabelecer como isso será feito

O objetivo é emagrecer? Esqueça a sobremesa!
Relação com a família, emprego, salário, amor. Quem não quer mudar alguma coisa em sua vida?

Ao mesmo tempo, é fácil cair na armadilha de colocar metas de mudança que não chegam nunca, como um regime que se estende indefinidamente sem trazer resultados, ou o plano de mudar de emprego que fica sempre para o outro ano. Saber o que fazer não é suficiente: o “como” é fundamental.

Mudar o quê?
O primeiro passo é focar exatamente no que se quer mudar. “O que é ‘mudar para melhor’? Seja na perspectiva do trabalho, relações pessoais ou qualidade de vida, implica num passo básico que é sair da zona de conforto”. Mudar é partir para o desconhecido, que é assustador”. Por exigir esforço, coragem e dedicação, é necessário avaliar o quanto uma mudança é significativa e se ela vale todo o investimento.

“Mudar nunca é uma coisa agradável, mas geralmente acaba valendo a pena”. Ela dá o exemplo de quem quer transformar o corpo. “Para ganhar o corpo novo, você tem que perder o velho. Cada ganho representa uma perda também. Até a perda de coisas ruins é de certa forma dolorosa. Isso inclui abandonar hábitos antigos ligados à mudança. Em outras palavras: quem decide perder uns quilinhos precisa entender que sobremesa todo dia, nunca mais.

Tomada de decisão
O momento em que se dá o “clique”, a tomada de decisão, é chamado de “pré-contemplação”. “É quando você está no avião, com o paraquedas nas costas, e decide pular.” Trata-se de um momento individual, intransferível e incompartilhável. Não adianta avisar a família que vai parar de fumar se a decisão interna não foi tomada ou formar um grupo de corrida se por dentro a convicção de praticar o esporte não veio.
Entra aí também o planejamento, a definição de como serão as mudanças. Otimismo, determinação e uma dose de realismo ajudam. “É bom quebrar grandes objetivos em metas pequenas”. Se a pessoa quer ter uma vida social mais ativa, pode se colocar pequenas tarefas: ligar para um amigo com quem faz tempo que não conversa, convidar alguém para tomar um café. “As pessoas perdem de vista que as decisões têm um custo e levam tempo para dar retorno. Você quer um mega emprego, mas não quer fazer o curso de inglês. Ir fazendo as pequenas coisas sem ter a gratificação imediata é fundamental. A vida é aos poucos, é preciso ter paciência”.

Como não desistir
Por que algumas pessoas conseguem abraçar um objetivo e cumpri-lo de pronto, enquanto outros empacam no meio do caminho? “Cada um tem uma estrutura psíquica diferente. Tem gente que se dá muito bem fazendo pesquisas num assunto e se preparando para a mudança. Nos casos de pessoas que não conseguem avançar nos seus projetos de mudança, vários recursos podem trazer melhoras, de auto-ajuda a terapia. “Quando você não tem o equipamento psíquico disponível, você utiliza ferramentas. Terapia é uma delas, mas não a única que pode ajudar.” Ela alerta também que não existe mágica: “10% é vontade de mudar, os outros 90% , puro esforço”.

Fonte: Ig

Deixe uma mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

5 Comments

  1. Excelente post!
    Ele é como um roteiro de quais os passos necessários para alcançar mudanças almejadas… Afinal de contas, mudar requer reconhecimento, foco, disciplina e humildade para que seja, de fato, concretizado. Parabéns!

    Ver mais
  2. Verdade a cada dia temos que fazer uma mudança em nossas vida…é só se analisar e colacar em pratica!

    Ver mais
  3. Boa tarde D. Viviane. A mudança é sempre difícil. Exige sacrifício e por vezes renúncia. Primeiramente, temos que ver aquilo que queremos mudar e analisar se o esforço que vamos fazer pela mudança vale a pena. Mas mudar é sempre bom, pois fazemos novas descobertas. Beijinho.

    Ver mais
  4. Muito interessante, educativo e de grande ajuda espiritual.
    Gostaria que também estivesse disponivel em español, pois seria de grande ajuda para minhas amigas do México.

    Ver mais
  5. MUITO INTERESSANTE ESSE POST REALMENTE A MUDANÇA PARTE 90% DA GENTE.

    Ver mais