111 – 45º Dia | Ser O Testemunho

Viviane Freitas

  • 3
  • Mar
  • 2017

111 – 45º Dia | Ser O Testemunho

  • 3
  • Mar
  • 2017

3 de Março | Sexta | João 14.7-11

Se vós me conhecêsseis a mim, também conheceríeis a meu Pai; e já desde agora o conheceis, e o tendes visto.
Disse-lhe Filipe: Senhor, mostra-nos o Pai, o que nos basta.
Disse-lhe Jesus: Estou há tanto tempo convosco, e não me tendes conhecido, Filipe? Quem me vê a mim vê o Pai; e como dizes tu: Mostra-nos o Pai?
Não crês tu que eu estou no Pai, e que o Pai está em mim? As palavras que eu vos digo não as digo de mim mesmo, mas o Pai, que está em mim, é quem faz as obras.
Crede-me que estou no Pai, e o Pai em mim; crede-me, ao menos, por causa das mesmas obras.

O que deve fazer antes de ouvir o audio? Clique aqui.

Bom dia a todas as internautas, e eu falo “bom dia”, porque a maioria dos que estão acompanhando o blog, estão fazendo pela manhã.

Acompanhe comigo no livro de João 14.7-11

“Se vós me conhecêsseis a mim, também conheceríeis a meu Pai; e já desde agora o conheceis, e o tendes visto.

Disse-lhe Filipe: Senhor, mostra-nos o Pai, o que nos basta.

Disse-lhe Jesus: Estou há tanto tempo convosco, e não me tendes conhecido, Filipe? Quem me vê a mim vê o Pai; e como dizes tu: Mostra-nos o Pai?

Não crês tu que eu estou no Pai, e que o Pai está em mim? As palavras que eu vos digo não as digo de mim mesmo, mas o Pai, que está em mim, é quem faz as obras.

Crede-me que estou no Pai, e o Pai em mim; crede-me, ao menos, por causa das mesmas obras.”

Minha amiga internauta, eu quero frisar para você, que mesmo Jesus estando com os discípulos, neste caso, com Filipe, este queria que Jesus lhe mostrasse o Pai.

Em outras palavras, Jesus tinha um comportamento diferenciado de outras pessoas, fez milagres, fazia sinais, maravilhas, ressuscitou Lázaro, curou, perdoou, ensinou, exortou, e mesmo assim os discípulos, ou no caso, Filipe, focava no que Jesus fazia.

E você pode reparar que muitas pessoas se identificam com aquela que colabora mais, por exemplo, aquela que trabalha mais, porque está sempre querendo agradar você; vê-a como uma pessoa de Deus pelo que ela faz, mas às vezes ela não é tão sincera, transparente, só que porque trabalha mais, você se identifica mais com ela.

E aquela que reconhece os seus erros, que quer mudar, que tem sede de Deus, você às vezes condena, porque ela fala das suas falhas.

E há muitas pessoas que buscam a Deus apenas pelo fazer Dele, “…se o Senhor fizer isso na minha família, vou reconhecer que o Senhor é Deus”; “Ah se o Senhor trouxer o meu filho de volta, se o meu marido deixar a amante…” etc. Quer dizer, muitas pessoas procuram enxergar Deus Pai, no Senhor Jesus, quando se cumpre aquilo que deseja, mas não O buscam por aquilo que Ele é!

Veja a pessoa que o Senhor Jesus é, o Seu comportamento diferenciado de todos os demais profetas que passaram, não havia pecado no Senhor Jesus, mas mesmo assim Filipe não O conhecia.

Isso mostra o seguinte: As pessoas estão buscando um acontecimento, um desejo, e não estão reparando o ser de Deus.

“E como é que eu vou reparar o ser de Deus, Viviane, me explica essa situação?”

Eu vou lembrar você de uma passagem sobre uma mulher adúltera:

“E os escribas e fariseus trouxeram-lhe uma mulher apanhada em adultério;

E, pondo-a no meio, disseram-lhe: Mestre, esta mulher foi apanhada, no próprio ato, adulterando.

E na lei nos mandou Moisés que as tais sejam apedrejadas. Tu, pois, que dizes?

Isto diziam eles, tentando-o, para que tivessem de que o acusar. Mas Jesus, inclinando-se, escrevia com o dedo na terra.

E, como insistissem, perguntando-lhe, endireitou-se, e disse-lhes: Aquele que de entre vós está sem pecado seja o primeiro que atire pedra contra ela.

E, tornando a inclinar-se, escrevia na terra.

Quando ouviram isto, redargüidos da consciência, saíram um a um, a começar pelos mais velhos até aos últimos; ficou só Jesus e a mulher que estava no meio.

E, endireitando-se Jesus, e não vendo ninguém mais do que a mulher, disse-lhe: Mulher, onde estão aqueles teus acusadores? Ninguém te condenou?

E ela disse: Ninguém, Senhor. E disse-lhe Jesus: Nem eu também te condeno; vai-te, e não peques mais.”

João 8:3-11

Quem foi que a aceitou, investiu nela, a ensinou no momento mais difícil da sua vida? O Senhor Jesus.

E essa mulher foi tão grata ao Senhor Jesus, a Deus, que quando Jesus já tinha sido crucificado e o Seu corpo estaria no sepulcro, ela foi lá para visitá-Lo, e não O achou, então, apareceu o próprio Senhor Jesus ressuscitado para ela, e ela chorando muito pedia que lhe dissesse onde o corpo do Senhor Jesus estava, eu quero, eu preciso. porque é que aquela mulher fez isso? Porque ela chorava assim?

Porque aquela mulher viu quem era Jesus, ela não estava olhando para Jesus preocupada com aquilo que ela desejava, marido, filho, conquistas, sonhos pessoais dela, ela olhava para Jesus em como Ele amou ela.

E é isso que essa passagem esta aqui falando.

Talvez você seja uma que está perguntando para Deus, “porque o Senhor não se revela para mim?”
Se Deus estava ensinando através da Sua palavra os Seus pensamentos, a Sua conduta, como você deve agir, Ele não estava lhe condenando, Ele simplesmente falou e fala para cada um de nós quando a nossa própria consciência nos acusa:” Vai e não peques mais”, não faca mais isso, mude a sua atitude para que coisa pior não lhe suceda.

Então minha amiga internauta, eu quero chamar sua atenção para uma pergunta: o que você espera de Deus? como você olha e admira o Senhor Jesus?

Será que você admira Ele porque Ele fez algo na sua família, ou porque Ele te curou ou porque realizou os seus sonhos, ou será que você esta olhando para Ele como seu Salvador, quando você estava perdida, acusada, condenada, e Ele lhe orientou, lhe exortou, lhe ensinou, lhe amou e investiu em você através da Sua Palavra, e quem o recebe desta forma é grato eternamente.

É impossível, eu digo, impossível com as minhas mãos na Palavra de Deus, é impossível, você saber quem você era, do fundo do poço onde estava, onde você mesmo se condenava e alguém lhe ensinou, trabalhou em você, lhe exortou, lhe disciplinou, lhe amou, e você virar as costas e lhe trair.

Essa mulher, que uma vez errou de forma tão cruel, ela foi a primeira a ver jesus, e foi a única que estava ali mesmo não importando a perseguição que os soldados ou o que as pessoas fariam com ela, ela só focava no seu Senhor Jesus e Salvador.

E é isso que nós estamos falando aqui, nós estamos falando e apresentando o Senhor Jesus que salva, mas Ele salva os perdidos, não salva os que visualizam o seu próprio interesse.

Minha amiga internauta, pense sobre isso.

Um grande abraço para vocês e até amanhã.

Série: Ser o Testemunho

Deixe uma mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

19 comentários

  1. Dona Vivi, bom dia!
    Estou aproveitando como se fosse minha última oportunidade, a FÉ dos 100 dias, as meditações, áudios tem sido como uma estrutura forte de Cristo em mim. Pois é assim que tenho visto, Ele me ensinando, discipulando, limpando e me ensinando. Sou grata por sua misericórdia, porque mesmo sem mérito algum, Ele veio e me estendeu Sua mão e me tirou daquele lamaçal e dia após dia, tão pacientemente, me oferece sua misericórdia. Assim vejo as meditações de “Ser O Testemunho” como a misericórdia estendida a quem assume sua dependência dEle.

    Ver mais
  2. Bom dia dona Viviane!
    Muito forte esse audio, e como tem sido maravilhoso esses dias para mim, poder investir em mim, reparar, melhorar, descobrir, etc… de facto, apartir do momento que comecei a me descobrir, e ter esse relacionamento directo com o Espírito Santo, e vendo que somente Ele me entendia, e me entende até hoje, quando ninguém mais acreditava em mim, e olho para trás e lembro de como eu era, e como Ele me transformou, é impossível não querer agradá-Lo todos os dias, ser melhor para Ele, buscar ser como Ele foi comigo, paciente, compreensivo, amigo, único que esteve ali do meu lado a me ensinar, exortar, e me lembro muito bem que Ele estava ali comigo nos momentos mais difíceis no deserto de minha vida onde Ele mesmo me levou, Ele era o único com quem poderia contar, quando estava nas maiores aflições, na dor, onde eu não sabia o que fazer, na verdade era Ele querendo me dizer alguma coisa, me orientar o que era para fazer, essa era a forma de como Ele usava para comunicar comigo, dizer o que eu deveria fazer. Eu via Ele ali do meu lado, dia a dia, cuidando ensinando, como eu ser para Ele, passo a passo, então é impossível não ser grata eternamente, e é a melhor coisa que poderia ter me acontecido, pois essa comunhão me faz a cada dia olhar para mim e me corrigir, para agradá-Lo, não importando o que os outros pensam ou deixem de pensar, pois Ele me honra, com a minha obediência a Ele, e assim será todos os dias de minha vida pois descobri a fonte que nunca se seca. Até amanhã, bjinhos..

    Ver mais
  3. Bom diaaaa!! ??? Dona Vivi.. essa passagem da mulher que adulterou é linda.. pois Ele tinha todo direito né por ser Justo. Mas Ele nos ama a tal ponto que nos ajuda a nos reerguer e nos mostra a solução.. basta nos atentar a voz Dele.. em meio as acusações!
    Deus a abençoe é lhe inspire mais e mais ??? Até semana que vem!!! mal posso esperar

    Ver mais
  4. Vivendo a fé dos 100 dias para ser Testemunho…. aqui de Santa Catarina totalmente envolvida e acordando uma hora mais cedo e feliz….mais feliz. Obrigada

    Ver mais
  5. Bom dia dona Viviane esses áudios tem min ajudado muito, pois quero ser o testemunho. Obrigado por min fazer pensar por que admiro o senhor Jesus?

    Ver mais
  6. Ola dona Vivi muito forte até chorei…

    Ver mais
1 2 3