Saúde:  “Os super alimentos do anti envelhecimento”
barbara

Bárbara Filipe

  • 22
  • Abr
  • 2015

Saúde : “Os super alimentos do anti envelhecimento”

  • 22
  • Abr
  • 2015

É claro que ninguém gostaria de envelhecer e que faríamos o máximo para evitar este mecanismo biológico comum nos seres vivos.

O limite de quantos anos uma pessoa pode viver é impossível de ser calculado com precisão nos dias de hoje, na realidade com a evolução contemporânea da medicina e sociedade, vive-se muito mais tempo e com mais qualidade.

Mas viver durante muitos anos não será significativo se não mantivermos a melhor qualidade de saúde possível. É neste objetivo que devemos focar todo os nossos esforços.

A alimentação é a base fundamental de um corpo capaz de continuar saudável por muitos e longos anos.

O ambiente e os nutrientes podem modificar a expressão de vários genes que protegem-nos das doenças inflamatórias, cardíacas, circulatórias e metabólicas.

A maior contribuição que podemos dar para envelhecermos com saúde é adquirir hábitos inteligentes para estimular atividade destes genes da longevidade.

Os pilares de um bom tratamento de anti envelhecimento são cinco:

Reduzir o stress;
Reforçar o sistema imunitário;
Reforçar o cérebro e sistema nervoso;
Reforçar o sistema cardiovascular;
Reforçar o sistema metabólico e hormonal.

 

A partir destes cinco pilares é possível realçar alguns alimentos mais adequados e eficazes em retardar o envelhecimento:

Açaí camu camu e guaraná: Incomparáveis antioxidantes e energéticos. A quantidade de vitamina C e minerais aumenta a capacidade endógena de produção das enzimas glutationa;
Chia, linhaça, cânhamo, cacau cru: Os ácidos gordos, polifenóis, aminoácidos essenciais, minerais e vitaminas deste grupo de super alimentos funcionam como modeladores bioquímicos. Os ácidos gordos e aminoácidos regeneram a elasticidade da membrana plasmática dos neurónios, aumentando a capacidade de neuroplasticidade fundamental para estimular a memória e concentração;
Amêndoas, castanhas, avelãs e nozes: Neste grupo encontram-se as oleaginosas, todas com excelentes capacidades de estimular a produção natural da hormona do crescimento e testosterona;
Morangos, amoras brancas, bagas de goji, bagas de inca: Destaca-se a elevada capacidade oxidante. Com grande potencial anti cancro e anti demência;
Clorela, erva trigo, erva de cevada: O grupo dos desintoxicantes com alto poder para retirar metais pesados e toxinas do corpo.
Quinoa, trigo-sarraceno e soja: O trigo sarraceno não contém glúten e é uma boa fonte de manganésio, magnésio e fibras. A quinoa é um grão que possui alto poder nutritivo devido aos aminoácidos essenciais presentes, possui fibras que estimulam o funcionamento dos
intestinos. Não contém glúten nem lactose.

 

O meu conselho final é o de reduzir-se a quantidade de calorias diárias à medida que a idade avança. Quem come menos, com boa qualidade, vive mais tempo.

Também deve-se reservar na agenda do dia um espaço para meditar, pensar positivo, pois estas ações estimulam a produção de endorfinas que são substâncias anti inflamatórias e incrivelmente rejuvenescedoras.

Por isso recomendo que tenha uma vida feliz com seus amigos e família, beba muita água, coma pouco e com sabedoria, aprenda coisas novas a cada dia e trabalhe o físico com exercícios apropriados.

Vemo-nos daqui a cem anos!

Roni Lara Moya
{Excerto do artigo do Dr. Roni Moya, “Os super alimentos do anti envelhecimento”, na revista Visão}

Deixe uma mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

7 Comments

  1. Buenos días Sra
    Es muy importante cuidar mi salud, aprender a ser disciplinada en mi alimentacion, solo así evitare muchas enfermedades, y cuidare mi cuerpo por que es el templo del Espíritu Santo.

    Ver mais
1 2