Resposta aos internautas: Porque você não faz a diferença?

Sara Zanon

  • 17
  • Jan
  • 2015

Resposta aos internautas : Porque você não faz a diferença?

  • 17
  • Jan
  • 2015

No ano de 2014 vi muitas mulheres interessando-se pelas coisas de Deus.


Muitas começaram a fazer os desafios Godllywood, outras têm participado do encontro “partes de mim”, e a maioria fez os “10 passos para a virada”.

Então poderia dizer que 2015 será o ano da revolução.

Mas porque é que ainda assim, participando de tantas coisas, há mulheres que não vão fazer a diferença?

E como é possível, talvez se pergunte, se você tem participado de tantas coisas, ainda assim, seguir sendo mais uma na multidão? Porque é que você não desenvolve? Porque não faz a diferença? Essa é a pergunta que muitas têm dentro de si.

Bem querida internauta, você já sabe que eu gosto de dar exemplos, para que entenda melhor o que eu tenho a dizer.
Então vamos lá: Imagine que há algum tempo tem sentindo uma enxaqueca horrorosa, sente enjoos, dores no corpo, e o seu estômago está sempre queimando, daí decide ir ao médico.

Mas ao chegar diante do doutor, apenas diz que tem tido uma leve dor de cabeça, daí ele passa-lhe um remedinho, mediante o sintoma que mencionou.

Mas e aí, você ficou bem? Ficou curada? Claro que não, não é verdade?!

Então eu pergunto-lhe:
Chegou diante daquele médico, que até poderia ter resolvido o seu grande problema. Quem precisava mais?
Ele precisava saber da sua vida, ou você precisava falar do que estava a acontecer?
E porque não falou tudo, quem saiu a perder? Ele ou você?

E agora você diz: “Sara, eu não estou a entender… Onde você quer chegar?”
Ao mencionar tudo a seu respeito, você não muda em nada a vida do médico, mas poderia ter mudado a sua, certo?
É isso que tem acontecido com muitas mulheres da igreja, elas até vão ao médico dos médicos, mas não são sinceras.
Falam superficialmente de si mesmas, e por isso não vêem as suas vidas serem transformadas.

Talvez tenha medo de se expor, e espiritualmente falando, encontrar dentro de si mesma uma doença muito grave; você tem medo de se revelar, com medo do que pode perder.

Mas o que tem ganho, com tudo isso que vem guardando?

Você esconde, e segue vivendo de maneira frustrada, tem ficado para trás, e visto outras pessoas, a serem transformadas.

Até quando vai seguir assim?
Lembra-se daquela mulher adúltera? Ela poderia ter tentando esconder de Jesus, quem realmente era, e qual seria o resultado?

Ela sairia dali sendo a mesma pessoa, mas porque expôs, alcançou o que de mais precioso podemos conquistar: A salvação eterna!

Ela ali pôde ver o amor de Jesus, talvez você ainda não o conheça verdadeiramente, porque não se revela, e fica guardando essas porcarias de sentimentos, desculpe a minha expressão, que só a fazem distante de Deus.
Para ganhar minha amiga, você tem que estar disposta a perder.

E aí, você está disposta?

“… porque aquele que quiser salvar a sua vida perdê-la-á, e quem perder a sua vida por amor de mim achá-la-á.” (?Mateus? ?16?:?25? ARC)

Ao longo dos últimos 5 anos, tenho acompanhado várias mulheres, e o que eu tenho visto, é que aquelas que desenvolvem, são as que se fazem transparentes e revelam o que realmente são; na hora elas parecem horrorosas, mas depois acabam por se tornar as pessoas mais lindas que já conheci.

Enquanto que aquelas que tentam se esconder atrás de uma imagem bonita, onde se fazem “perfeitinhas”, e aparentemente sem nenhum problema para resolver, são as que não fazem a diferença e ficam paradas no tempo, apoiando-se no facto de que são de Deus só porque frequentam a igreja, ou têm uma “posição” dentro da obra de Deus.

Quem você vai ser?! A escolha é sua!

Vemos-nos no próximo sábado, e não se esqueçam de deixar aqui as suas perguntas e comentários.

Um abraço!

Série: Resposta aos intermautas

Deixe uma mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

86 Comments

  1. Eu era assim, eu queria fazer a diferença mais eu não pedia ajuda por que eu não queria monstrar quem eu realmente era,mais eu um dia eu decidi muda e falar tudo pra Deus e preocura ajuda das esposas e coloca em pràtica oque elas me orientavam e a minha vida mudo, claro que eu tenho muita coisa pra muda mais hoje eu não tenho vergonha de falar e pedir ajuda para muda.

    Ver mais
1 13 14 15