Perigo! A vida sentimental das Obreiras…

Viviane Freitas

  • 28
  • Fev
  • 2013

Perigo! A vida sentimental das Obreiras…

  • 28
  • Fev
  • 2013

Reparem no email que recebi, leiam com atenção cada detalhe.


Gostaria de sugerir que abordasse um tema que acho ser de muita importância e onde o diabo sempre trabalha, que é a questão da vida sentimental, pois sou ex-obreira e saí da obra justamente por causa desse sentido.
Era uma obreira que me dava muito, trabalhava em todas as reuniões que podia, estava sempre a cuidar das coisas de Deus e tinha o desejo de servi-Lo no altar, porém, deixei-me levar pelo sentimento (até porque não havia nascido de Deus, de verdade), e quando ouvia palavras de pessoas ligadas à obra, de que eu era muito gorda; que não tinha jeito… O diabo colocava pessoas que eram lobos em pele de cordeiro, as quais destruíram a minha vida.
Tudo foi contribuindo para que eu fosse desanimando, acabei por me prostituir, saí da obra e, hoje, por misericórdia de Deus, por abrir meus olhos e me entregar verdadeiramente a Ele, estou na igreja e pretendo voltar a fazer a obra, mas agora de fato e verdade.
Mas acredito que muitas podem estar a passar pelo que passei, apesar de que hoje se tem muitos estudos e orientações para as obreiras, os quais eu não tive…

Leram com atenção? Que situação séria, não é verdade?

O caso relatado acima, é, infelizmente, o retrato de muitas obreiras, que sofrem a dor de não serem realizadas no campo sentimental.
Não podemos tapar os olhos a esta realidade, que é urgente, e que tem que ser tratada.

Tudo começa pelo não querer ficar só e pelo receio de não vir a encontrar a pessoa amada.
É algo tão subtil que vai surgindo dentro da pessoa… uma ansiedade, um desejo afincado de ter alguém ao seu lado.

É natural que toda a obreira queira encontrar um homem de Deus, que viva a mesma fé, e isso é saudável, pois todos temos o direito de ser realizados nesse âmbito. Só que nesse caminho a ser trilhado pela busca da pessoa certa, podem surgir muitas pedras e “pedregulhos” que têm que ser ultrapassados. E, para não tropeçar, há que se estar atenta.

Quais? Pergunta você…

[arrowlist]

  • As vozes negativas que vai ouvir: “Procura lá fora, se não encontras aqui dentro, senão vais ficar para tia”
  • As sugestões fáceis que a vão levar à destruição.
  • A escolha rápida por alguém que você nem sequer averiguou o histórico de vida.
  • As palavras depreciativas criadas por si própria, tais como: Eu não tenho estrutura para ficar com tal pessoa, eu sou muito gorda, não tenho aparência, não tenho estudos…a outra é melhor que eu, etc.
  • Enfim, são muitas as barreiras que se levantam.

[/arrowlist]

A verdade é que se você não tiver forte espiritualmente, decerto se deixará levar por toda essa oposição e o seu coração passará a ditar o rumo da sua vida. É aí que surge a oportunidade tão desejada pelo diabo de arrastar a sua vida para o declínio espiritual.

E porquê?
Porque você não usa a cabeça para pensar nas consequências que advêm de um sentimento.
Já diz o velho ditado: “Cabeça que não tem juízo o corpo é que paga”
E não julgue que é de forma rápida que a queda acontece, pois o diabo espera o tempo que for necessário para a fazer cair nas suas tramas, como a experiência dessa jovem.

Que perigo!
Mas ainda bem que ela escolheu abrir os seus olhos a tempo.

Agora, analise comigo, quantas não são as obreiras que se entregaram à sua suposta paixão e hoje estão perdidas e, quem sabe, até no inferno? Ou talvez seja esse o seu caso?

Eu sei do que falo, porque já vivi momentos muito difíceis, de muita dor na vida sentimental e sendo uma obreira.
Tive que lutar com todas as forças… não foi fácil, já adianto!

Sei que você está interessada em saber como consegui vencer.

Calma! E Não tome atitudes impensadas e nem aja precipitadamente com base no que sente.

Nos próximos artigos, eu vou dividir com vocês a minha experiência de vida.
E para você que diz: Ah! Mas eu já tenho uma certa idade…eu também tenho o que pronunciar a esse respeito.

Deixe o seu comentário e não se esqueça que a sua opinião é importante e pode ajudar a muitos.

Até 5ª feira que vem!!!

Leia também:

Directo às obreiras
Obreiras solteiras: A Decisão

Luisa Teixeira

Obreiros em foco

Deixe uma mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

116 Comments

  1. A vida sentimental tem sido um perigo…muitas vezes olhamos para as outras que ja tem algum que ja são “realizadas” sentimentalmente e não entendemos porque nós não temos alguém ainda e acabamos bos precipitando colocando tudo a perder.

    Ver mais
  2. A vida sentimental, apesar de ser sentimentos, se for agida com o coração e não com a razão, pode levar mesmo uma pessoa ao abismo abaixo.
    Aprendi que por esse motivo, devemos antes de tudo confiar em Deus é fazer nossa parte que é buscar a direção dEle.

    Ver mais
1 17 18 19