A vida de Jacó – 16º Dia

Viviane Freitas

  • 10
  • Jul
  • 2013

A vida de Jacó – 16º Dia

  • 10
  • Jul
  • 2013

Olá, já estamos no 16º Dia em que falamos sobre a vida de Jacó. Está a chegar o grande dia de apresentarmos os nossos sacrifícios a Deus.

“Perguntou-lhe, pois: Como te chamas? Ele respondeu: Jacó.
Então, disse: Já não te chamarás Jacó, e sim Israel, pois como príncipe lutaste com Deus e com os homens e prevaleceste.” (Gn.32:27,28)

16ºDia – Jacó assume o seu nome

A Palavra de Deus é a direção certa, transmite maturidade e não admite insegurança, mas ilumina e direcciona.

Quando Deus pergunta o nome de Jacó, obviamente que Ele já o sabia, mas fez a pergunta para que este o assumisse. É fácil, por exemplo, comentarmos em relação a terceiros. Difícil é falarmos de nós próprios.

Quando assumimos os erros e falhas perante Deus, negamos o orgulho. Jacó poderia ter dito: “Eu sou neto de Abraão, ao qual o Senhor prometeu abençoar a descendência e o meu pai, Isaque, também me abençoou.” Mas NÃO! Assumiu, prontamente: “O meu nome é Jacó!”

Muitas pessoas querem justificar-se do seu problema, e não o assumem, pois o seu orgulho predomina. Mas quando ficam conscientes de que esta sua postura, nunca as ajudou em nada, resolvem assumir, ainda que tenham de pagar um alto preço por ter sido “Jacó, o trapaceiro”!

Não conseguimos enganar a Deus, mas há muitas pessoas que pensam conseguir fazê-lo, nas suas orações, na ida à Igreja, participando na campanha de qualquer maneira, fingindo que estão a sacrificar, e ainda o referem aos demais… Vivem de aparências, mas não assumem a sua crença; quem na realidade, são!

O seu orgulho predomina, tornando-se o seu deus!

Jacó, como estava definido na sua luta com Deus, tendo o objetivo de mudar a sua identidade, assumiu-o.

Todos os que estão dispostos a mudar de vida, assumem, ainda que paguem por isso um alto preço. E fazem-no, porque creêm!

Só após Jacó ter pronunciado o seu nome, teria a chance de se tornar Israel.

“Já não te chamarás Jacó, e sim Israel, pois como príncipe lutaste com Deus e com os homens e prevaleceste.”

Um príncipe é o filho do rei, neste caso, do verdadeiro Rei! Lutou por uma crença em um Deus invísivel, e prevaleceu.
Tudo o que quisesse predominar na sua carne, lutou para exterminar, contra o homem interior, e contra os demais, exteriormente a si.

Deus não muda o meu nome para que eu permaneça derrotada, com dúvidas, ansiosa, preocupada, enganadora… Mas fá-lo quando estou definida a exterminar a identidade que eu própria reconheço ter carregado durante anos.

Deus mudou a vida de Jacó naquele instante.

Acho interessante que muitas pessoas dizem crer em Deus, ganhar almas e servi-Lo, mas o seu sonho – egoísta – não tem nada a ver com o que professam. Dizem sacrificar, mas estão com medo, ansiosas, choram e preocupam-se. Deus não o aceita! Você pode fingir, mas Ele conhece toda a verdade.

Então, é muito mais prático e simples, a Verdade, do que a ilusão, pois, iludida, tem que fazer muita “força” para que ninguém repare. Mas a verdade dá paz, tranquilidade, certeza e convicção.

Repare na sua própria vida, pois a boca pode dizer qualquer coisa. São as suas atitudes que provam, realmente, naquilo que crê!

Deixe uma mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

30 Comments

  1. Boa noite!

    Quando eu assumo o meu erro, entao quebro meu orgulho e assim eu ajudo a mim mesmo e assim Deus pode trabalha comigo. Porque eu quero mesmo ajuda dEle nao so na minha palavra mais em pratica.

    Deus abençoe!

    Ver mais
  2. Jacó lutou com Deus, não foi com um homem qualquer, foi com Deus! E ainda assim prevaleceu! Ele quis aquela transformação e lutou por isso! Será que nós deixamos escapar a oportunidade que Deus nos deu? Nós temos de agarrar as oportunidades e não as deixar ir, tal como jacó que não largou o anjo enquanto Ele não lhe abençoa se! Bjs!

    Ver mais
  3. Olá D.Viviane,

    Isso é o assumir a fé, quando eu assumo quem sou e tomo a responsabilidade para mim de mudar aquela situação.
    É isso que Deus se agrada, uma fé pura e verdadeira.
    Beijinho

    Ver mais
  4. Boa Noite,
    Quando eu assumo os meus erros, o meu orgulho eu me ajudo a mim mesma e assim vazia de mim Deus pode trabalhar em mim me molda!

    Beijinhos

    Ver mais
  5. Olá D. Vivi, o orgulho é uma das piores coisas que podem existir no caracter de uma pessoa e so prova que ela nao confia em Deus mas em si mesma apenas!
    Nesta fogueira santa estamos tendo a oportunidade de deixar de ser Jaco enganador, que até engana os de fora mas a Deus e ao diabo nao! Eu estou decidida a ser Israel e viver como uma princesa, pois sou filha do Rei!
    Beijinhos

    Ver mais
  6. Olá, Dª Vivi,

    Os audios, que a senhora tem postado, têm sido muito edificantes, e “máquinas de cortar pedra” (desculpe a expressão), tenho me conhecido de forma diferente, de ha alguns meses para cá, vejo uma nova forma de olhar para o meu interior, para os meus erros.

    Diria que antes era sentimental demais…..

    Esta Fogueira Santa, está a ser algo muito Especial e Diferente para a minha vida, principlamente ESPIRITUAL.

    Deus abençoe a Senhora!

    Ver mais
1 3 4 5