A sua saúde é mesmo importante?

Bárbara Filipe

  • 19
  • Ago
  • 2015

A sua saúde é mesmo importante?

  • 19
  • Ago
  • 2015

Se fizermos a uma pessoa a seguinte pergunta: “A sua saúde é importante?” A resposta imediata é: “Claro que sim!”

Contudo, vamos analisar alguns pontos importantes, que todos deveríamos observar:

– Há quanto tempo não faz uma avaliação médica geral?
– Como é o seu dia de trabalho?
– Que tempo tem para fazer as suas refeições?
– Como desfruta do tempo em família?
– Como ocupa os seu tempos livres?
– Há quanto tempo não tira umas horas só para si?

Já respondeu, para si mesmo a todas as questões apresentadas? A que conclusão chegou?

Provavelmente, observou que não tem cuidado tanto da sua saúde como deveria, apesar de saber o quanto ela é preciosa para si.

O nosso corpo precisa de atenção, de cuidados, de momentos de convívio e de distração.

Poderá afirmar o seguinte: “Mas o meu trabalho é muito exigente… Quando chego a casa tenho tudo para fazer e as crianças não param; Mal tenho tempo para dormir, quanto mais para mim!”

No entanto, nenhuma dessas condicionantes fazem de si uma máquina, imune ao desgaste.

Então o que fazer? Mude!

Pense em soluções, em estratégias novas, comece a agir, altere hábitos, mas não fique parada a ver a sua vida passar!

E questiona-me: “Como assim?”

Se o trabalho é exigente e a deixa sem paciência… Coloque música enquanto trabalha, do tipo instrumental, que a ajude a relaxar e pensar com mais clareza. Não sendo possível esta opção, reorganize suas tarefas profissionais, verificando se existe outra forma de fazer os seus afazeres.

Se em casa as tarefas são muitas, organize-as por dias, reformule os seus hábitos de forma a torná-los mais saudáveis.
Se o seu tempo parece pouco, PARE e avalie as suas prioridades.

Depois defina, o que é de facto importante e o que apenas a faz perder tempo… Eliminado as perdas desnecessárias com coisas que não são importantes, desta forma ficará com mais tempo para si!

O nosso corpo é dirigido pelo nosso cérebro, logo, se este estiver cansado ou assoberbado, tudo parecerá um fardo, um peso excessivo para ser suportado.

Voltando ao tema do post, se a sua saúde é de facto importante para si, tome uma atitude! Reavalie o seu tempo e onde o tem consumido!

Até breve.

Deixe uma mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

7 Comments

  1. Realmente eu não tinha muito tempo para mim, agora estou me organizando e até que estou indo bem.

    Ver mais
1 2