87º Dia | Ser O Testemunho

Viviane Freitas

  • 2
  • Mai
  • 2017

87º Dia | Ser O Testemunho

  • 2
  • Mai
  • 2017

2 de Maio | Terça | João 18.10-11

Então Simão Pedro, que tinha espada, desembainhou-a, e feriu o servo do sumo sacerdote, cortando-lhe a orelha direita. E o nome do servo era Malco.
Mas Jesus disse a Pedro: Põe a tua espada na bainha; não beberei eu o cálice que o Pai me deu?

O que deve fazer antes de ouvir o audio? Clique aqui.

Olá todos os internautas, é um prazer estarmos juntos aqui, e é maravilhoso você observar as atitudes do Senhor Jesus… Sabe o que acontece quando eu estou lendo, meditando na Palavra de Deus? Eu fico tão orgulhosa da fé e da atitude do meu Senhor Jesus, que eu fico sorrindo para mim mesma!

Às vezes, até eu quero ouvir o áudio mais vezes… Se deixasse, eu ouviria todo o dia o mesmo áudio que eu gostei tanto, que foi o 81º, e não porque eu falo do meu testemunho, porque o que me alegra não é nem tanto o resultado do que eu lhes conto, mas a atitude do meu Senhor Jesus, pois cada dia que passa eu O admiro mais. Sabe quando você é noiva e espera o dia do seu casamento? Assim eu me vejo em relação ao meu Senhor Jesus: Eu O contemplo durante o meu dia e chego a conversar com Ele como se fosse um Amigo que estivesse à minha frente! É exatamente isso que esta acontecendo comigo.

Este ano de 2017 está sendo muito especial para mim, porque eu pedi-Lhe que não só a meditação fizesse parte da minha vida como prioridade, mas também a minha participação na minha comunicação com Ele. E isso tem existido! Nestes últimos dias, desde que cheguei aqui na João Dias, eu tenho “curtido” esse meu tempo com Ele. Muitas vezes eu medito de manhã, com as esposas, e depois eu venho meditar novamente aqui, na minha casa, e gravo o áudio novamente… Mas antes de gravar, eu tenho que participar a Deus aquilo que Ele me faz enxergar, porque vou dizer-lhes algo: Eu estou com o Senhor Jesus desde os meus 15 anos, e nestes 27 anos, estou apaixonada por Ele como nunca estive! Ainda que eu tenha o costume de O admirar, de dizer que Ele é lindo, e as amigas que me conhecem sabem que eu o digo, mas quando você insiste naquilo que você quer que predomine na sua vida, isso passa a existir… e é isso que tem acontecido.

Vamos ao livro de João 18:10

“Então Simão Pedro, que tinha espada, desembainhou-a, e feriu o servo do sumo sacerdote, cortando-lhe a orelha direita. E o nome do servo era Malco.
Mas Jesus disse a Pedro: Põe a tua espada na bainha; não beberei eu o cálice que o Pai me deu?”

De primeiro, eu admiro o ato de coragem de Pedro. E sabe porquê eu admiro? Porque Ele mostrou a sua consideração, o seu capricho para com o meu Senhor Jesus. E todo aquele que considera Deus, que considera o Senhor Jesus, defende esta fé Nele!

Talvez você está me ouvindo e se sente envergonhada, intimidada, cheia de medo em relação ao Deus que você professa; não diz para ninguém, fica caladinha, disfarça esse compromisso com Deus… Você não é ousada e nem defende a fé que você tem. Sabe porquê? Você não considera o Senhor Jesus! Mas Pedro O considerava.

Veja o que Jesus disse:

“Mas Jesus disse a Pedro: Põe a tua espada na bainha; não beberei eu o cálice que o Pai me deu?”

Minha amiga internauta, olhe para isso! Você já viu uma coisa destas? O meu Senhor Jesus estava definido, como nós temos falado nestes últimos dias: Ele esteve no jardim do Getsêmani, chorando lágrimas de sangue, mas uma vez que Ele decidiu, Ele foi transparente. Não há problema de você ser transparente com Deus em relação àquilo que você está sentindo, mas quando o faz, deve decidir que vai tomar para si a responsabilidade da sua fé em assumir e sacrificar em prol daquilo que você diz para Deus, porque é muito fácil expôr a sua dor e deixar com Ele! Quando tem uma fé inteligente, você não apenas expõe a sua dor, mas decide ali uma ação diferente contra as suas emoções e acaba odiando tudo aquilo que a faz rejeitar a sua fé e o seu compromisso com Deus. Quando há uma decisão, há uma definição e um ponto final para aquilo que eu sinto, para aquilo que eu creio, para aquilo que eu me responsabilizo em agir!

“…não beberei eu o cálice que o Pai me deu?”

Veja que Ele defende aquilo que tem que fazer, o sacrifício que tem que fazer em obediência a Deus, e não só em obediência, mas também para servir ao Seu Pai. Quando há uma definição, você defende até o que você tem que encarar, ainda que seja doloroso, ainda que ninguém entenda essa situação… Você defende, porque você crê!

Minha amiga internauta, eu espero aqui o seu comentario, e me fale: Será que você está defendendo a sua fé? Será que você tem sido valente o suficiente para assumir o sacrifício que tem que fazer em prol da sua fé?

Eu aguardo aqui o seu comentário, e vou ter imenso prazer de saber um pouquinho de você. Não fuja, escreva aqui!

Um grande abraço e amanhã estaremos de volta.

Série: Ser o Testemunho

Deixe uma mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

28 Comments

  1. Dona Vivi,
    Eu estou participando desse propósito e tenho meditado e reparado a mim mesma, como eu preciso ter intimidade com Deus, como ele agiu e como eu devo agir! Obrigada por doar um pouco do seu tempo para nos ajudar eu ainda estou no dia 87 e sei que a Sra completou os 100 dias, mas quero ter isso para minha vida com Deus meditar e analizar conforme a Palavra!
    Fica na paz

    Ver mais
  2. bom dia linda Vivi!

    é assim mesmo que tenho agido, exponho pra Deus o que se passa comigo, mas não tenho tomado a atitude que sei que preciso tomar.

    to a espera que Ele faça, aquilo que cabe a mim fazer.

    obrigada e um abraço

    Ver mais
  3. D. Vivi em poucas palavras não consigo demonstrar minha gratidão pelos seus audios que tem me ajudado tanto ontem eu sentia vontade de morrer devido a um sentimento de perda e ouvindo seus áudios me deram muita força.. lhe considero uma grande amiga..Um dia Deus irá permitir de eu lhe dar um grande abraço…bjs

    Ver mais
  4. Muito forte a palavra e me faz sentir nada diante da grandeza do Senhor Jesus.

    Ver mais
1 3 4 5