54º Dia | Ser O Testemunho

Viviane Freitas

  • 16
  • Mar
  • 2017

54º Dia | Ser O Testemunho

  • 16
  • Mar
  • 2017

16 de Março | Quinta | João 15.14-16

Vós sereis meus amigos, se fizerdes o que eu vos mando.
Já vos não chamarei servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor; mas tenho-vos chamado amigos, porque tudo quanto ouvi de meu Pai vos tenho feito conhecer.
Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça; a fim de que tudo quanto em meu nome pedirdes ao Pai ele vo-lo conceda.

O que deve fazer antes de ouvir o audio? Clique aqui.

Olá a todos os internautas.

Já estamos há mais de 50 Dias a meditar na Palavra de Deus. E para si, que está desde o começo, e tem observado, detalhado, o que está a acontecer consigo, participe aqui no Blog e diga, durante estes dias, o que tem acontecido dentro de si; o que a Palavra de Deus tem feito existir no seu interior. É muito importante você participar, pois assim ficamos sabendo como você está e como podemos ajuda-la de forma mais eficaz.

Acompanhe comigo no Livro de João, capítulo 15, versículo 14:

“Vós sereis meus amigos, se fizerdes o que eu vos mando. Já vos não chamarei servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor; mas tenho-vos chamado amigos, porque tudo quanto ouvi de meu Pai vos tenho feito conhecer.
Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça; a fim de que tudo quanto em meu nome pedirdes ao Pai ele vo-lo conceda.”

Hoje nós vamos descobrir quem é o Verdadeiro amigo do Senhor Jesus.

Primeiro, Ele inicia falando que esse amigo é aquele que não apenas guarda, mas faz o que Ele manda. Por outras palavras, aquele que obedece.

Quando você começa a observar a sua vida para obedecer à Palavra de Deus, Ele a chama de “amigo”. Não apenas você que observa, mas que obedece e cumpre a Sua Palavra.
E Ele a chama de “amigo”, porque realmente você se faz de amiga, sendo próxima. Nós não nos fazemos próximos de alguém, quando desconsideramos o que a pessoa fala.

Por vezes, você, supostamente, é próxima dos seus pais, do seu marido, mas tudo o que eles dizem, no seu íntimo, você não concorda, não aceita. Na realidade, pode dizer com os seus lábios que os ama, mas não é realmente próxima, não é amiga, e tão pouco transparente.

“Já vos não chamarei servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor…”

Realmente, quando você vê qualquer pessoa que serve o seu senhor, sabe que ele gosta de certas coisas, mas não tem assim tanta intimidade ou proximidade, porque é um servo.

“…mas tenho-vos chamado amigos, porque tudo quanto ouvi de meu Pai vos tenho feito conhecer.”

Você já viu que há pessoas que se dizem amigas, mas são resistentes, artificiais, não fazem conhecer nem o que se passa na sua mente, nem tiram as suas dúvidas, se aproximam ou são transparentes a falar de si mesmas, etc., então, estas pessoas, não se fazem íntimas.

O Senhor Jesus quer que você seja amiga Dele, mas quem se faz de amigo, primeiro, é o indivíduo que vem até Ele.
Jesus não vem e Se faz de amigo quando você O rejeita. Aliás, Ele ja Se fez amigo quando deu a Sua vida por nós, mas mesmo que esteja na Igreja, como uma esposa de pastor, sendo obreira, ou seja quem for, não quer dizer que você é amiga Dele.

Pela sua oração, é que você vai reparar se é amiga ou não!

O que você diz na sua oração?

Aquilo que você aprendeu; aquilo que o pastor sempre fala e você apenas concorda?

Como é a sua comunicação com Deus? Apenas: “Deus abençoa…”?! Por aqui já dá para entender quem é você, se você é alguém que serve a Deus, mas não é “amigo” ou próxima Dele.

E isto me chamou muito a atenção neste versículo: Eu posso ser servo de Deus ou amigo Dele.

O amigo é íntimo e faz conhecer todas as coisas que se passam no seu interior.

O Senhor Jesus não tinha pecado. O que Ele tinha para falar era o que o Pai Lhe havia revelado. E isto pode suceder conosco, pois quando o melhor de Deus acontece em mim, se eu sou amiga, eu passo o que Deus fez comigo. Assim me faço conhecer!

Por exemplo, jamais passaria na sua cabeça que eu falaria de um erro meu diante de “todo o mundo”… Não correria eu o risco de ser julgada ou até condenada, quando falo do meu erro?! Muitas pessoas têm medo de falar a seu respeito, porque não são amigas.

Permita-me dizer-lhe algo: Ele mesmo já nos deu as condições para que nos chegássemos à Sua presença; rompeu o véu, e hoje, já não preciso ir a Deus através do sacerdote, posso falar diretamente com Ele, fazer aquele momento ser santo e o Espírito Santo encher o lugar onde eu estiver. Isso pode acontecer em qualquer parte do mundo, e não necessariamente na Igreja.

Mas o que acontece? As pessoas não criam esse momento de amizade, especialmente através da oração e da comunicação com Deus. Quantas pessoas pedem oração por um problema, outro problema, e enquanto não enxerga o que Deus quer de si, sempre vai ser dependente de alguém para orar em seu favor.
Imagine nós aqui, meditando na Palavra de Deus, e você esperar que eu ore por si?! Está sofrendo na sua casa, eu não conheço qual o seu sofrimento e nem o seu nome completo para mencionar a Deus, então, entre tantos milhares de pessoas, você acha que a sua oração não é acessível a Deus e tudo o que você fala não vale a pena? Então é porque você é distante Dele.

Mas você pode se fazer próxima! É só dizer o que está dentro de si. O que falaria se estivesse diante de mim? Então diga-o a Deus.
Exponha a sua situação, pois quando o faz, dá-se a conhecer.

Amizade não é bajular; não é dizer: “Deus te abençoe, parabéns, hoje é o seu aniversário, que este ano você desenvolva, cresça, etc.”
Desejo não é presente!

Então, o que é um presente? Obedecer! Isto é o que nos vai capacitar a receber todas as bênçãos de Deus.

Não é felicitar, desejar ou apenas orar e pedir, mas também cumprir.

“Já vos não chamarei servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor…”

Talvez você seja só um servo, porque não está entendendo o que o seu Senhor quer… Ele quer a si! Do jeitinho que você é, e que o exponha para Ele. E as vezes que você não tiver palavras suficientes para expressar o que está dentro de si, apenas inicie e exponha, dizendo: “Meu Deus, as minhas palavras não expressam o que está dentro de mim…”. Você é sincera e real! Não está fazendo uma oração para agrada-Lo, apenas para dizer palavras religiosas ou certinhas, mas está sendo transparente.
Quando faz isso, a oração torna-a próxima, pois é a nossa comunicação com Deus.

A oração dá-nos força igualmente para cumprir o que está escrito, pois sou eu que tenho que ser forte para cumprir o que está escrito; sou eu que tenho que cumprir, pois Deus não vai cumprir por mim. Sou eu que tenho de me fazer de forte, sou eu que tenho que sorrir, sou eu que tenho de pedir perdão, olhar nos olhos, e fazer o que me cabe.

Deus respeita-a, amiga. E este respeito é maravilhoso, pois Ele é paciente e aguarda na expetativa que você O receba e atente para as Suas Palavras.

Amiga internauta, não seja apenas um servo, que não sabe o que faz para Deus e sequer o que Deus quer de si. Eu quero que você seja um amigo, mas o amigo faz o que Ele ordena… obedece!

Veja o que é um amigo para Ele: “…mas tenho-vos chamado amigos, porque tudo quanto ouvi de meu Pai vos tenho feito conhecer.”

Amigo, para o Senhor Jesus é: “Tudo o que ouvi do meu Pai, o melhor que eu tenho, eu passo para você!”

Ele não tinha pecado, não tinha erros, para me transferir, mas a Palavra que me dá Vida! A mensagem de Deus, que me corrige e orienta.

E você, como vai ser amigo Dele?

Você dá o que você tem! E o que é isso?

Pode dizer: “Não tenho nada…”

Você tem! Coisas guardadas dentro de si, tristeza, dúvidas, medo, etc. Porque não chega na oração e dá para Ele?! Porque isto é você se fazer próxima.

“Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei…”

Foi Deus que a escolheu! Antes mesmo de você O aceitar Ele prova que nos escolheu, quando deu o Seu único Filho para me salvar. Ele me escolheu como filho, mas cabe a mim aceitar ou não as Suas ordenanças e ensinamentos.

As pessoas que estão de fora, que ainda não aceitaram o Senhor Jesus, não é porque Deus faça acepção de pessoas, mas porque não se aproximaram, não acreditaram… ainda. Mas estamos trabalhando para que elas creiam!

Deus quer você, além de ser amigo, dê muito fruto. Que O caraterize aqui na Terra, e que o seu caráter seja visto, não para que as pessoas a elogiem, mas para que glorifiquem e queiram o Deus que você está apresentando como pessoa, no seu trabalho, na sua família. Porque você representa Deus, e se assim é, já parou para pensar o que está apresentando de Deus para as pessoas, com o seu jeito malicioso, etc.?! O que acha que está apresentando? Um Deus ressuscitado? Um Deus de vida que torna o impossível real? Não dessa forma… Assim está mostrando um deus morto, que as pessoas não querem seguir!

Mas quando você é de caráter, age como deve agir e exercita a fê, pois como não somos perfeitos, o exercício da fé nos torna justos e nos permite aperfeiçoar.

“…para que vades e deis fruto…”

Deus quer que você vá, e não que fique apenas num lugarzinho, mas que espalhe para outros esse Deus vivo.

O fruto é o caráter Dele; essa transformação que Ele fez em si, Ele quer que você revele para outras pessoas.

“…e o vosso fruto permaneça…”

Esse fruto, o caráter, mesmo sendo bombardeado pelas outras pessoas e independentemente das circunstâncias, tem que permanecer em mim. E para isso acontecer, temos que exercitar a fé!

“…a fim de que tudo quanto em meu nome pedirdes ao Pai ele vo-lo conceda.”

Deus não apenas quer que você O honre, mas também quer honrar você e atender à sua necessidade. Mas para isso, é muito importante que você Se agrade Dele e tenha prazer em obedecer, e não apenas porque tem que fazer ou por uma obrigação.

Amiga internauta, vou deixar que você fale com Deus e, se possível, escreva no seu comentário o que está acontecendo consigo nestes mais de cinquenta dias da sua meditação.
Nós aconselhámos que você começasse do princípio, mas se você iniciou a meio ou mesmo a partir de onde começou, deixe aqui o seu comentário também. Será um grande prazer ler! Porque se há algo que amo, é ler o vosso comentário.

Um grande abraço para vocês e até amanhã.

Série: Ser o Testemunho

Deixe uma mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

51 Comments

  1. D. Vivi,
    Comecei a caminhada achado que conhecia a Deus, que estava certa em algumas situações, que fazia o meu melhor. Hoje sim eu posso dizer que estou conhecendo a Deus ao Senhor Jesus.
    Tenho visto a cada dia da meditação o quanto Ele é misericordioso comigo e amoroso e tenho buscado praticar o que aprendi.
    Vi em mim muitos erros que estou buscando corrigir: orgulho; maus olhos; impaciência; querer que as pessoas pensam e ajam como eu.
    Muito obrigada.

    Ver mais
  2. Muito forte ESSA palavra tenho que obedecer sempre meu Pai quero ser sempre seu amigo

    Ver mais
  3. Dona viviane desde que comecei. meditar ,ouvir ,e praticar na palavra de Deus tudo vem se transformando dentro e fora de mim nao tenho palavras para descrever o qto o Senhor tem sido misericordioso e Pai comigo so tenho a agradecer a continuar neste caminho porque esta sendo maravilhoso a cada dia ter um relacionamento serio com o Senhor Jesus e a cada me pego pensando qto pecadora e orgulhosa eu fui O Senhor e tao simples e paciente comigo porque Ele esperou depois de mais de 10 anos para que eu se rende se a Ele para poder agir e me ajudar a me conhecer e Ele poder trabalhar primeiro no meu ser obrigada muito obrigado nao sei mais o dizer porque e uma transformaçao inexplicavel

    Ver mais
1 7 8 9