50º Dia | Ser O Testemunho

Viviane Freitas

  • 10
  • Mar
  • 2017

50º Dia | Ser O Testemunho

  • 10
  • Mar
  • 2017

10 de Março | Sexta | João 15.1-4

Eu sou a videira verdadeira, e meu Pai é o lavrador.
Toda a vara em mim, que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto.
Vós já estais limpos, pela palavra que vos tenho falado.
Estai em mim, e eu em vós; como a vara de si mesma não pode dar fruto, se não estiver na videira, assim também vós, se não estiverdes em mim.

O que deve fazer antes de ouvir o audio? Clique aqui.

Bom dia a todos os internautas, é um prazer estarmos juntos.

Estamos dando continuidade à meditação.
Mas antes eu gostaria de chamar a sua atenção para a forma como uma meditação faz toda a diferença:

Indiquei a todos os internautas que, antes de iniciarem a meditação, lessem um trecho, que eu mesma fiz, de como você deveria meditar na palavra de Deus.

Mas nós já estamos no 50º dia da nossa meditação, e com certeza você já deve ter reparado que há dias em que Deus fala mais para você, e outros dias em que parece que você não ouve tão detalhadamente; não percebe os detalhes daquilo que Deus quer falar consigo.

E isso acontece comigo também, se eu não me preparo, se não anseio, se eu estou tomada pelo meu cansaço, o meu sono, e já são 50 dias, o que não é brincadeira… você que tem acordado cedo, 1 hora antes do seu habitual, com certeza o seu corpo está cansado, a sua mente fica mais lenta, mas o que vai fazer a diferença na sua vida, é como você se prepara para este momento.

Porque vai haver momentos em que você vai estar cansada, outros em que você vai orar, vai pedir, ou problemas que você está vivenciando, que a fazem ficar mais sensível, mas o segredo é ter necessidade; é sentir essa responsabilidade pela sua fé. E essa cobrança ninguém tem que fazer por si, pois você mesma deve exigir essa cobrança, de se entregar.

Então, todos os dias eu fico atenta a mim mesma, como eu leio a Bíblia, como eu acordo, o que penso, sinto, então, minha amiga internauta, corrija a você mesma, assim como eu tenho que corrigir a Viviane o tempo todo.

Então, vamos acompanhar aqui em João 15.1-4

“Eu sou a videira verdadeira, e meu Pai é o lavrador.

Toda a vara em mim, que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto.

Vós já estais limpos, pela palavra que vos tenho falado.

Estai em mim, e eu em vós; como a vara de si mesma não pode dar fruto, se não estiver na videira, assim também vós, se não estiverdes em mim.”

Você já viu que Jesus é a videira, o Pai é o lavrador, aquele que cuida. Então, se você está sendo cuidada pelo Blog, foi Deus que viu a sua sede; Ele presenciou isso e proporcionou esse momento, para que pudéssemos ser cuidadas, e nós somos a vara.

Ora, se a vara está em Jesus e não dá fruto, Ele tira.

Agora vamos observar isso… o Bispo Macedo tem falado sobre o fruto, sobre os dons, e você deve ouvir as suas mensagens, a palavra amiga, pois ele é o homem que Deus escolheu para dirigir a Igreja Universal em todo o mundo, então é importante sempre procurarmos ouvir os áudios dele, e há um aplicativo da Universal que você pode acessar em qualquer lugar.

“Toda a vara em mim, que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto.”

É importante que você, minha amiga internauta, entenda que o fruto é o caráter, e quando falamos de caráter, falamos de comportamento também… Diante das dificuldades e adversidades, o nosso comportamento diz se estamos ou não em Jesus, porque Ele dá um tempo, e permite que o ramo que somos, tenha tempo para dar fruto, e quando você recebe toda a atenção, advertência, orientação e você simplesmente não aceita, então você não dá fruto.

Em Gálatas fala do fruto do Espírito Santo, que é o Amor, e o amor é paciência, e longanimidade, e paz, e se você está com falta de paz, por conta de algo você está vivenciando no trabalho, por exemplo, é momento de você exercitar a sua fé, porque talvez esteja meditando na palavra de Deus, mas não está produzindo fruto.

Não basta apenas eu ficar feliz em ouvir a Palavra de Deus, porque ela é um alimento, mas a mesma Palavra também exorta e limpa, então minha amiga, você tem a sua escolha: Pode estar em Jesus, mas sendo independente Dele! Por exemplo, eu posso estar casada, mas viver do meu jeito, não ser submissa ao meu marido, então, nesse casamento, eu estou sendo independente do meu marido; não estou sendo uma com ele.

E quando nós estamos falando de dar o fruto, é você, que é a vara, ter que gerar; se não dá fruto, Ele vai tirar.

“…e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto.”

Aquela que aceita, se submete, Ele limpa para que dê mais fruto ainda.

“Vós já estais limpos, pela palavra que vos tenho falado.”

Está vendo, nós somos lavados e limpos porque recebemos e guardamos a Palavra de Deus.

E guardar a Palavra de Deus não é decorar. Por exemplo, nós já estamos no 50º dia, mas com certeza muitas coisas que nós lemos, se hoje formos voltar a ler, você esqueceu, mas o Espírito Santo vai fazer você lembrar do que aprendeu com aquela palavra.

E é importante você, que tem anotado a sua meditação, passar para o seu computador, ou guardar no seu caderno e reler de vez em quando, para que possa observar nesses versículos, que você apontou e meditou, se está praticando… E se você está guardando, então, obviamente, Deus vai falar muito mais.

“Estai em mim, e eu em vós; como a vara de si mesma não pode dar fruto, se não estiver na videira, assim também vós, se não estiverdes em mim.”

Você não pode ser independente do Senhor Jesus, e o ser independente, eu já percebi que acontece quando eu me sinto “boa” em alguma coisa, porque quando eu me sinto ruim, eu sempre dependo de terceiros, então é importante você averiguar aquilo que a deixa muito independente de Deus.

Toda a pessoa que é muito independente, com certeza sabe resolver vários assuntos de uma vez só, ela é madura e responsável, mas isso também faz ela ser distante, e às vezes ela resolve problemas na vida dela e não participa Deus, não fica ligada a Deus, não fala muito com Deus, não ora, não pede ajuda, e quando você pede ajuda, você se aproxima, e dá abertura para que a outra pessoa participe da sua vida, e é exatamente isso que acontece quando eu passo a depender de Deus.

Então, seja em coisas pequeninas ou em coisas grandes, participe a Deus, para que você possa, não apenas resolver a sua vida, mas também permitir que Deus participe das suas decisões e, assim, Ele possa usar e ensinar você.

Nós lemos, há pouco tempo atrás, que íamos aprender tudo o que o Espírito Santo nos ensinar, todas as coisas… Enfim, nós temos que aprender, ou seja, por mais responsável e eficiente que você seja como pessoa, no seu trabalho, você precisa de Deus.

Porque o seu jeito e o meu jeito não é o certo. E quando participamos a Deus, nos colocamos no lugar em que precisamos de um Salvador.

Um grande abraço e até segunda-feira.

Série: Ser o Testemunho

Deixe uma mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

16 Comments

  1. Identifiquei a falha do porquê que Deus não tem falado comigo, ou me respondido. É porque não tenho participado Ele em meu dia- a -dia e em minhas decisões. Sinto um bloqueio quando quero orar, parece que não vai adiantar, que Deus não vai me ouvir ou que Ele não me perdoou por um erro que cometi no passado. É um fardo que carrego todo dia….:(

    Ver mais
  2. Bom Dia!!!
    Nesta quarta feira ao buscar o Espírito Santo, quando eu falava quando Deus, e fui bem sincera, e pedi pra Deus, para que me limpasse, para que eu possa produz sempre frutos Deles.
    Um grande abraço

    Ver mais
  3. Bom dia linda Vivi!

    Essa pessoa independente sou eu.
    Tenho estado atenta em mim mesma o tempo todo.
    Todas as vezes que tenho um problema e levo até Ele, a resposta vem, obedeço aquela direção e da certo, mas também todas vezes que já tomei decisões e não consultei a Deus, o resultado foi frustração.

    Obrigada por tudo, Deus te abençoe grandiosamente.

    Um abraço

    Ver mais
1 2 3