47º Dia | Ser O Testemunho

Viviane Freitas

  • 7
  • Mar
  • 2017

47º Dia | Ser O Testemunho

  • 7
  • Mar
  • 2017

7 de Março | Terça | João 14.15-20

Se me amais, guardai os meus mandamentos.
E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre;
O Espírito de verdade, que o mundo não pode receber, porque não o vê nem o conhece; mas vós o conheceis, porque habita convosco, e estará em vós.
Não vos deixarei órfãos; voltarei para vós.
Ainda um pouco, e o mundo não me verá mais, mas vós me vereis; porque eu vivo, e vós vivereis.
Naquele dia conhecereis que estou em meu Pai, e vós em mim, e eu em vós.

O que deve fazer antes de ouvir o audio? Clique aqui.

Olá a todos os internautas, é um prazer estarmos juntos.

Vamos meditar em cada versículo de João 14:15-20

“Se me amais, guardai os meus mandamentos.

E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre;

O Espírito de verdade, que o mundo não pode receber, porque não o vê nem o conhece; mas vós o conheceis, porque habita convosco, e estará em vós.

Não vos deixarei órfãos; voltarei para vós.

Ainda um pouco, e o mundo não me verá mais, mas vós me vereis; porque eu vivo, e vós vivereis.

Naquele dia conhecereis que estou em meu Pai, e vós em mim, e eu em vós.”

Nós não amamos a Deus porque falamos: “Eu te amo!”
Aliás, ninguém ama ao próximo apenas por dizer “Eu te amo”, mas sim quando existe um temor e compromisso.

A palavra “guardar” quer dizer vigiar, cuidar dos mandamentos, o que significa que esses mandamentos têm que ser reais na minha vida; eu tenho que os cumprir. E eu também sei, mesmo sendo cristã, que eu não nasci como “anjo”, mas preciso vigiar, ficar atenta às minhas reacções no dia-a-dia, aos meus pensamentos, sentimentos, à forma como eu falo, etc.
E se eu tenho um compromisso com Deus, eu tenho que ter esse cuidado, esse zelo para com aquilo que eu aprendi com o Senhor Jesus.

Muitos cristãos pensam que pelo fato de terem uma posição na igreja, só têm que ensinar, mas quando eu estou na condição de amar a Deus, eu tenho que guardar os Seus mandamentos. E não é apenas guardar para decorar o versículo, mas guardar para praticar.

“E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre…”

Os discípulos sentiam medo, ficavam aterrorizados quando o Senhor Jesus não estava por perto, criavam até confusão, inclusive Pedro perguntou quantas vezes teria que perdoar ao irmão, e Jesus respondeu-lhe: “70 vezes 7”.

“Se você me ama, guarda os meus mandamentos, e se você guarda os meus mandamentos eu vou viver consigo para sempre, através do Espírito Santo.”

Talvez você esteja há anos na Igreja, participou desse último Jejum de Daniel, e se questiona porque não recebeu ainda o Espírito Santo.

A Bíblia refere que aquele que guarda os mandamentos, ama.
“Mas Viviane, eu guardo, eu não tenho maus olhos, eu faço isso, faço aquilo…”

E se você realmente guarda os mandamentos, vai reparar que há tanta coisa para falar com Deus, porque você não é perfeita… e se você se vê perfeita, então, supostamente, não há necessidade de ter o Espírito Santo, porque o Espírito Santo é justamente para nos dar força para combater o pecado.
Mas há muita gente que quer o Espírito Santo apenas para dizer que O tem, e não porque necessita Dele; não se enxergam.

Com certeza que aqueles que estão perceptíveis às suas próprias vidas, falam com Deus acerca das suas dificuldades, dos seus problemas, e revelam que querem cumprir a Palavra de Deus, falando de uma forma sincera e não sistemática. Então, assim sendo, não há motivo para o Espírito Santo não os batizar!

Quando você estiver em dificuldades, em apuros, precisando de tomar decisões, num aperto, ou até em momentos bons, o Espírito Santo está ali.

“O Espírito de verdade, que o mundo não pode receber, porque não o vê nem o conhece; mas vós o conheceis, porque habita convosco, e estará em vós.”

O Espírito Santo é um Espírito de liberdade.
E porque é que o mundo não O pode receber?
Porque é que certas pessoas na Igreja não podem receber o Espírito Santo?

Porque não aceitam a verdade.

Se for falar que a roupa está decotada, apertada, indecente, se falar que ela deve ter outro comportamento, como pedir desculpa… ela não aceita.

E ela não aceita, não por um momento, mas durante dias, meses e anos. E por isso, o Espírito Santo não pode habitar nela porque ela não aceita a verdade, não se sujeita a ter uma vida de acordo com as Escrituras Sagradas.

Por exemplo, você que é mulher, está na igreja e usa uma roupa justa, apertada, com a calcinha bem pequenina, não se tapando, mas pretendendo se expor… Uma pessoa cristã não precisa disso; não precisa seguir a moda, não precisa expor os seus seios, o seu “bumbum”, para ter valor e ser bonita, mas ela o faz, às vezes, inconsciente de que é errado.

Então, não convém, você que quer a verdade, usar saia curta, shortinho curto, usar roupas inapropriadas.
Quando queremos o Espírito Santo, aceitamos a verdade, nos submetemos.

Para obedecermos a Deus, temos que aceitar a verdade.
Imagine, se sou batizada com o Espírito Santo, e eu não quero aceitar a verdade, mas fazer as coisas do meu jeito, para quê então eu vou ter o Espirito Santo?!

Quando recebemos o Espírito Santo, recebemos poder para vencer a nossa carne e nos submetermos à vontade de Deus, mas há pessoas que estão buscando o Espírito Santo que não estão querendo abrir mão da sua própria vontade.

“…porque não o vê nem o conhece;”

Receber é aceitar.
Se calhar você me ouve e discorda disto, que o corpo da mulher não foi feito para se mostrar; o corpo da mulher foi feito para glorificar a Deus, e não se glorifica a Deus expondo o seu corpo.

A pessoa que não vê Deus nas correções, não vê Deus na disciplina, não vê Deus na direção, mas vê uma injustiça, vê uma falta de compreensão, uma rejeição… quer dizer, não o conhece!

Para que eu conheça a Deus eu preciso ver, e, primeiro, enxergar a mim mesma.

Como é que eu vou “ver” Deus e buscar o Salvador, se estou perfeita aos meus olhos e abro mão da correção?! Se o meu jeito é sempre o melhor?

Está escrito:

“…mas vós o conheceis, porque habita convosco, e estará em vós.”

Quer dizer, os discípulos, sem Judas, o traidor, estavam sendo ensinados que o Espírito Santo estaria com eles.

E assim também acontece com você: Quando é zelosa pela Palavra de Deus, quer cumprir, quer aceitar, ouvir a verdade; prefere que lhe falem a verdade, do que lhe agradem.
É sobre este tipo de pessoa que o Espírito Santo repousa.

E essa verdade vive dentro dela.

“Não vos deixarei órfãos; voltarei para vós.”

Você nao ficará sozinha, mas terá um Pai!

“Ainda um pouco, e o mundo não me verá mais, mas vós me vereis; porque eu vivo, e vós vivereis.”

Jesus ia ressuscitar e subir aos céus, e as pessoas não O iam ver mais, mas quem aceitou as Suas palavras e O recebeu, vai ver Jesus.

“Naquele dia conhecereis que estou em meu Pai, e vós em mim, e eu em vós.””

Jesus está no Pai, e nós estamos nEle, e Jesus está em nós através do Espírito Santo.

Quando você vê um comportamento diferente do seu, que você nunca seria capaz de fazer por si própria; quando eu vi várias vezes Deus em mim nesses comportamentos, antes eu tive que ver e conhecer o que estava errado em mim; tive que querer a verdade. E Jesus, sendo a luz, nos mostra.

Assim é com todo aquele que crê no Senhor Jesus.

Essa crença é obediência, é submissão. Aceitar a verdade faz-me lutar para aquilo ser real na minha vida, faz-me clamar, e não me permite ficar calada.

Espero que você compreenda.

Um grande abraço para vocês e amanhã estaremos aqui de volta.

Série: Ser o Testemunho

Deixe uma mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

13 Comments

  1. Bom Dia, Dona.Vivi
    Muito forte.

    Ver mais
1 2 3