23º Dia | Ser O Testemunho

Viviane Freitas

  • 1
  • Fev
  • 2017

23º Dia | Ser O Testemunho

  • 1
  • Fev
  • 2017

1 de Fevereiro | Quarta | João 12.17-19

A multidão, pois, que estava com ele quando Lázaro foi chamado da sepultura, testificava que ele o ressuscitara dentre os mortos.
Por isso a multidão lhe saiu ao encontro, porque tinham ouvido que ele fizera este sinal.
Disseram, pois, os fariseus entre si: Vedes que nada aproveitais? Eis que toda a gente vai após ele.

O que deve fazer antes de ouvir o audio? Clique aqui.

Olá a todos os internautas. É um prazer estarmos juntos todos os dias da semana. Já pensou nisto? Nós não nos conhecemos, mas a fé nos une e testifica dentro de nós: Há certeza, há alegria, por conhecermos a Verdade e descobrirmos os nossos próprios erros.

Acompanhe comigo no livro de João capítulo 12, versículo 17:

“A multidão, pois, que estava com ele quando Lázaro foi chamado da sepultura, testificava que ele o ressuscitara dentre os mortos.
Por isso a multidão lhe saiu ao encontro, porque tinham ouvido que ele fizera este sinal.
Disseram, pois, os fariseus entre si: Vedes que nada aproveitais? Eis que toda a gente vai após ele.” (João 12.17-19)

Todas as pessoas que estiveram com Jesus quando Lázaro ressuscitou, testificaram o milagre. Em outras palavras, se as pessoas à sua volta não vêem sinais da sua fé, não podem testificar que o seu Deus é poderoso. Jesus falou, de uma certa feita, que os sinais acompanhariam aqueles que crêem (Mc.16:17). Muitos religiosos e pessoas que vão à Igreja, crentes, conformam-se apenas em ouvir a Palavra de Deus e em sentir um bem-estar durante o louvor, mas não dão provas e sinais da sua fé para Deus.

Os sinais resultantes do exercício da sua fé, evangelizam! É a própria Bíblia que fala com outras pessoas. Mas há muitos que expressam, com palavras, acerca de um Deus vivo, mas apresentam, através da sua vida, um deus morto. Não há sinais da sua fé, não há milagres ou exercício daquilo que crêem. Pelo contrário! Muitas pessoas que me estão a ouvir agora, têm fugido dos seus desafios. Desta forma, você não está dando sinais de crença; não dá nenhum sinal a Deus de que está revoltada e que está odiando a sua fraqueza e a sua falta de fé; você não vai para cima do problema, porque tem medo. E porquê? Porque, para si, é como se Jesus estivesse distante, e a Palavra Dele apenas registada na Bíblia e não através da sua própria vida.

Os sinais é que levaram aquela multidão até Jesus: “Por isso a multidão lhe saiu ao encontro, porque tinham ouvido que ele fizera este sinal. Disseram, pois, os fariseus entre si: Vedes que nada aproveitais? Eis que toda a gente vai após ele.”

É impossível calar os que testificam acerca do poder de Deus. É impossível que o diabo ganhe força na sua vida, quando você é a Testemunha!

“Como assim?” Perguntará você… “Eu sou testemunha na Igreja e o diabo tem ganhado forças através das dúvidas…”

Você não tem sido testemunha do exercício da sua própria fé, mas da fé de outros!

Mas quando começa a exercitar a fé e a Ser o Testemunho, não apenas por intermédio de uma cura, libertação ou do abandono dos vícios, você passa a desenvolver a sua fé além das conquistas externas; desenvolve interiormente. Ser o Testemunho não está tão ligado às conquistas externas, embora estas existam… Tanto era que o Senhor Jesus era o próprio Testemunho, mas Ele também agia o Seu poder no exterior. No entanto, há pessoas que manifestam a fé apenas para conquistar, mas não para o seu interior. E desta forma, dão o testemunho, que pode ser passageiro, mas não são o próprio Testemunho

Quem é o Testemunho não passa, pois vive em novidade de Vida! Vive exercitando a fé e se descobrindo… corrigindo e se entregando.

Como podemos nos entregar a Deus, se pensamos assim: “Eu já me entreguei toda, pois já fui batizada com o Espírito Santo!”

Não, minha amiga! Não necessariamente…

Quantas vezes, depois de eu ter sido batizada com o Espírito Santo, tive dúvidas, medo, maus olhos, egoísmo, orgulho, etc.?! Mas quando eu quero me sujeitar e tenho um compromisso com esse Deus, eu deteto de imediato os sinais resultantes dos meus sentimentos. E aqui entra a minha busca para me entregar, pois exponho o que está a acontecer comigo. E desta forma vemos que a nossa oração é verdadeira, pois estamos nos descobrindo e temos o que falar.

No entanto, há muitas pessoas que não prestam atenção naquilo que são, mas na forma como as outras pessoas agem, e não se corrigem. Querem corrigir os demais, quando, na verdade, não temos poder sobre ninguém.
Eu posso falar… sobre a minha vida, sobre a Palavra de Deus, mas a única pessoa que tem o poder para se converter, é você! Até porque Deus diz que nós é que temos que nos converter (Atos 3:19), e não que Ele nos converteria. É você que tem que mudar; é você que tem que expor e falar, sendo transparente, buscando e entregando o que está dentro de si.
Você não pode ser uma pessoa artificial, que fala muitas coisas para Deus, mas, na realidade, não expõe a verdade a seu respeito. Então, assista-se, para que possa falar de si para Deus, ou, de outra forma, não passarão de meras palavras, vazias.

Por isso é que os fariseus diziam: “Vedes que nada aproveitais? Eis que toda a gente vai após ele.”

Não tem como eu deixar de ir até Jesus, quando eu vejo sinais da Sua misericórdia para comigo!
Eu percebo e vejo um investimento da parte de Deus… Então, como é que eu, uma pecadora, tão cheia de falhas e erros, serei indiferente e não terei palavras para louvar a Deus?! Como posso Lhe dirigir palavras mecânicas e artificiais, que eu aprendi na Igreja ou com o pastor?!
Não!
Se eu me enxergo, reparo, busco e exercito a minha fé; não há como eu ficar calada ou ser artificial. Só sou artificial quando vivo de forma artificial: Quando finjo que estou na fé, finjo que estou orando, que estou chorando, que louvo a Deus… finjo que sei falar, enfim… quando eu finjo!
Amiga internauta, isso não verdade; isso não é a sua realidade! Só você pode se converter… só você pode sentir a sua dor.

Eu sinto dor, sim, muita dor, e esse é o motivo pelo qual estou aqui todos os dias, de segunda a sexta-feira. Porque há uma revolta dentro de mim; eu não estou satisfeita e quero levar até si o mesmo Deus que fez algo extraordinário na minha vida.

É impossível você viver a fé e permanecer artificial na sua busca e na sua ida à Igreja.

Sabe porque é que você conversa com as pessoas antes da reunião? Porque você não está levando a sério as coisas de Deus. Esta é a pura realidade… que dói!
Mas se você é humilde, vai encarar esse problema e vai resolvê-lo! Se as pessoas puxarem assunto, diga: “Eu não quero, eu não posso falar, porque tem outra Pessoa com quem eu tenho de falar agora, que é Deus!” Seja honesta, não tente dar voltas e ficar agradando a “todo o mundo”, quando, na realidade, não tem resolvido a sua questão.

Se enxergue, para que então veja esse Salvador, que a quer salvar do engano, da filosofia, da religião… Ele quer mostrar-lhe a Verdade e quer que você O veja e esteja no Reino de Deus, aqui nesta Terra!

Um grande abraço para vocês e até amanhã.

Série: Ser o Testemunho

Deixe uma mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

46 Comments

  1. É muito forte saber que temos que deixar de agradar a si mesma e aos outros pra de fato agradar a Deus ser sincera falar àquilo que realmente somos para ter uma comunhão com Deus e poder usar a fé e testificar aquilo que de fato é a fé dia após sia muito forte

    Ver mais
  2. Ser um testemunho é viver buscando ser um utensilio nas maos de Deus, mas muitos nao querem isso… Infelizmente! A melhor coisa que tem é se deixar ser usada por Deus…

    Ver mais
  3. Bom dia
    Muito forte, ser o testemunho vai muito além de palavras, vai muito além de fazer , eu tenho que ser.

    Ver mais
  4. DONA VIVI ,DE NOVO ME FEZ ENTENDER MEU COMENTÁRIO DO DIA 09/02 DEUS ME AMA ALELUIA!!! (ME DESCULPE ESTAR LENDO DE TRAS P FRENTE MAS ESTOU MUITO INTERESSADA…)

    Ver mais
1 6 7 8