15º Dia: O que invalida a Palavra de Deus na sua vida?

Viviane Freitas

  • 4
  • Out
  • 2015

15º Dia : O que invalida a Palavra de Deus na sua vida?

  • 4
  • Out
  • 2015

Olá a todos os internautas!

É um prazer estar aqui convosco. Estou a ler os vossos comentários e soube que muitas pessoas estão a ser beneficiadas através deste Blog. Compartilhe nas redes sociais, chame uma amiga, um familiar seu, para ler os posts, assim como você está a ser beneficiada.

Hoje a pergunta é a seguinte: “O que invalida a Palavra de Deus na sua vida?”

Muito interessante esta pergunta! Vamos saber o que é?

Acompanhe comigo no livro de Mateus, capítulo 15, versículo 3:

“Ele, porém, lhes respondeu: Por que transgredis vós também o mandamento de Deus, por causa da vossa tradição?
Porque Deus ordenou: Honra a teu pai e a tua mãe; e: Quem maldisser a seu pai ou a sua mãe seja punido de morte.
Mas vós dizeis: Se alguém disser a seu pai ou a sua mãe: É oferta ao Senhor aquilo que poderias aproveitar de mim;
esse jamais honrará a seu pai ou a sua mãe. E, assim, invalidastes a palavra de Deus, por causa da vossa tradição.” (Mateus 15:3-6)

O que é transgressão ou transgredir? É passar além do limite, desviar-se, abandonar a verdade. Uma pessoa que transgride, é alguém que sabe que tem um limite, que tem que andar naquele caminho, sabe que existe uma verdade, mas “escapa-se”, desvia-se disso.

Jesus perguntou aos hipócritas, que O tinham questionado em relação aos discípulos que não tinham lavado as mãos para comer… É interessante, que todas as vezes que lhes faço uma pergunta, isso apela para a sua inteligência, fá-la pensar. O que é isso? Quando apela para a sua inteligência, não usa a emoção, e foi isso que o Senhor Jesus fez!. Veja só:

“Por que transgredis vós também o mandamento de Deus, por causa da vossa tradição?
Porque Deus ordenou: Honra a teu pai e a tua mãe; e: Quem maldisser a seu pai ou a sua mãe seja punido de morte.”
(Mateus 15:3-4)

Vou dizer-lhe um coisa: Deus deixou os mandamentos na época de Moisés, e muitos os conhecem; você que frequenta a igreja, que é Cristão ou Cristã, sabe igualmente os mandamentos e não atenta para os mesmos. Naturalmente, está a fazer do seu dever com Deus uma tradição. Por exemplo, eu (Viviane) nasci na igreja e a tradição sabe que são costumes de um longo tempo…
Talvez esteja na igreja há muitos anos e já tem o costume de proferir os dez mandamentos, de citar um versículo, de orar, de dar os seus dízimos e as suas ofertas, participar na reunião, buscar a Deus, depois faz comentários. Mas o que acontece? Isso acaba, para muitas pessoas, virando uma tradição! Quando não atenta para a Lei de Deus, para a Sua voz e para a Sua Palavra.

“Porque Deus ordenou: Honra a teu pai e a tua mãe…” (Mateus 15:4)

Sabe o que é honrar? É respeitar, reverenciar. Quando faço isso, eu respondo? Não! Olho com maus olhos? Não! Simplesmente aceito o que me dizem e não vou impor a minha vontade, nem justificar-me. Isso é reverência!
Por exemplo, Deus diz-me coisas que tenho que fazer, como dar a outra face e não vou responder: “Oh Deus… Eu não vou dar a outra face, porque é ela que está errada!” Se existe isso da minha parte, o que acontece comigo? Eu sei da Palavra de Deus e desvio-me, transgrido do mandamento, da lei, de uma ordem, de um dever meu. Estou a desrespeitar a Deus! Da mesma forma, também com o seu pai e a sua mãe aqui na terra, que representa tanto os pais que a criaram que têm autoridade sobre si, como também Deus e a igreja. Deus representa o pai e a mãe a igreja.

Essas pessoas que não atentam para a Palavra de Deus, transgridem o mandamento e cumprem uma tradição. Dão os dízimos, as ofertas na igreja, pensam que são justos porque oram, sabem interpretar a lei, falam ao respeito da Palavra de Deus, inclusive falam daquilo que já superaram na vida, mas não têm consideração com a palavra Dele. E a prova? Veja o que Jesus diz:

“Quem maldisser a seu pai ou a sua mãe seja punido de morte.” (Mateus 15:4)

O que é maldizer? É falar mal, afrontar, insultar, ofender. Você que gosta de responder, afrontar, insultar, “abusar” da sua mãe ou do seu pai, fica a queixar-se da sua mãe por mais incrédula que seja… Deve prestar-lhe honra porque isso é um mandamento de Deus! Ele não disse: “Quem tiver pai e mãe que não me honram, você não tem o direito de honrá-los.” Não disse isso, mas sim:

“…Honra a teu pai e a tua mãe; e: Quem maldisser a seu pai ou a sua mãe seja punido de morte.
Mas vós dizeis: Se alguém disser a seu pai ou a sua mãe: É oferta ao Senhor aquilo que poderias aproveitar de mim…”
(Mateus 15:4-5)

E pode dizer-me: “Mas eu vou à reunião, falo com a minha mãe dessa forma porque ela não me entende, quer impor a sua vontade e não me deixa ir para a igreja!” Você sabe, que há uma forma de falar. Se respeita, reverencia, certamente, quando tomar a decisão, não vai faltar respeito, nem reverência… porque primeiro a tem para com Deus! Se respeito a Ele, a quem eu não vejo, muito mais a quem vejo irei respeitar! É ou não é?!

Tome cuidado! Porque há muitas pessoas a acompanhar este post agora, que têm familiares, pais que estão acima de vocês, ou até mesmo na igreja, e não honram a Deus, não honram a “mãe” (igreja). Ficam a falar mal da igreja, de Deus… Cuidado! Porque essas “tais” pessoas, estão para ser “…punidas de morte”. E se você foi ler realmente, sobre honrar o pai e mãe, no Velho Testamento, em Números, vai dar-se conta que, o filho que era rebelde, eles apedrejavam até à morte! Era esse o mandamento na altura… Deus não gosta do erro e na época da lei havia essa atitude, de atirar pedras até à morte do filho rebelde, porque imagine, nos dias de hoje os filhos já não respeitam… Imagine no inicio, do inicio da vida… Se Ele não fosse severo e colocar uma regra, uma ordem, onde estaríamos hoje? Por isso, que houve essa parte, em que Deus fazia com que o povo tivesse Temor e falavam: “Olha isso não pode, porque vai ter consequências disso!”

Hoje por causa da “graça”, muitos pensam o seguinte: “Posso fazer porque não vai apedrejar-me.” Não tem essa lei, mas tem a palavra de Deus! Hoje o que Ele quer, que eu e você façamos, é que cumpramos e estejamos atentos à Sua palavra, para cumpri-la e não viver uma tradição… De fazer certas coisas e errar em outras.

Provavelmente, amiga internauta, esteja acusada agora, dizendo: “Mas eu fiz tanta coisa errada para a minha mãe, para o meu pai e nem sabia, não tinha percebido dessa forma!” Você errou… Mas a partir de hoje, se cometer esse erro novamente, vai estar a transgredir a lei, porque agora tem a consciência do que é certo. Talvez, não sabia dessa consciência, ninguém nunca a tinha ensinado, mas agora atentando para a Palavra de Deus, (veja como é importante ler a Bíblia) você tem esse cuidado, respeito em saber como Ele pensa, ensina e fala-me para proceder diante das situações.

Internauta, você que lê este post na igreja agora, gostaria se possível, que participasse e falasse com Deus ao respeito. Depois escrevesse aqui no Blog, dê um jeitinho de escrever e falar daquilo que lhe chamou a atenção, e não somente isso, mas o que está a acontecer consigo ao ler este post.

Tenha esse cuidado com a Palavra de Deus, para que não faça Dele uma tradição, mas honre-O com a sua própria vida!

Uma grande abraço para vocês. Amanhã estaremos de volta!

Deixe uma mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

137 Comments

  1. Falou comigo , e aprendi como se honrra na praticaO motivo dos maos olhos e porque nao honra porque quem honra respeita tem reverencia .

    Ver mais
  2. Temos que viver não uma fé religiosa mas uma fé alicerçada na palavra de Deus

    Ver mais
1 21 22 23